Bahia será primeiro em energia eólica em 2020

Atualmente na segunda colocação em capacidade de geração eólica, atrás do Rio Grande do Norte, a Bahia será o estado brasileiro com maior geração de energia nesse setor, já em 2020, alcançando 5,9 GigaWatts de energia. Segundo os dados da Associação Brasileira de Energia Eólica (ABEEólica), aos 2,4 GW de energia gerada na Bahia, se somarão outros 3,5 GW até 2020, o que tornará o estado o maior produtor no Brasil.

Isso porque, nesse período, entre projetos já definidos e parques eólicos em construção, a Bahia tem um volume de realizações maior que o que terá, no mesmo período, o Rio Grande do Norte, que aos 3,6 GW, terá o acréscimo de mais 1,2 GW, totalizando 4,8 GW. A maioria dos parques eólicos no Brasil está localizado na Região Nordeste. O Rio Grande do Norte e a Bahia lideram o ranking com 135 e 93 parques, respectivamente. Nos outros sete estados da região concentram 884 parques eólicos. Na Região Sul do país existem ainda 95 parques, a maioria no Rio Grande do Sul (80).
 
Segundo a Secretaria de Desenvolvimento Econômico da Bahia (SDE), a Bahia possui 182 projetos comercializados nos leilões de energia realizados pela ANEEL no ano passado. Entretanto, quando adicionados ao mercado livre de produção de energia, que são os contratos privados, o número de empreendimentos chega a 237. "Hoje a Bahia exporta energia e o potencial eólico seria suficiente para atender, em tese, seis milhões de baianos", diz o superintendente de Atração e Desenvolvimento de Negócios da SDE, Paulo Roberto Britto Guimarães.
 
Com os novos projetos, resultantes dos leilões de parques eólicos até 2016, a Bahia deve ter uma capacidade de produção de energia gerada pela força dos ventos, de aproximadamente 50% do que é atualmente produzido pelo sistema hidrelétrico controlado pela CHESF (Companhia Hidrelétrica do São Francisco), em torno de 9,5 mil MW, conforme as projeções da Associação Brasileira de Energia Eólica para 2020.
Reportagens recentes:

Deixe um comentário

Líder Notícias - O seu canal de informação! © 2013 - 2018 | Desenvolvido por Junior Pacheco