Policlínica de Irecê: após longa espera por exames urgentes, professora resolve recorrer à rede particular

Uma professora chamada Ana Cláudia estava há mais de 2 meses sem receber seus exames de ressonância, o que dificultou a continuação de seu tratamento. Devido à urgência, a professora decidiu recorrer à uma clínica particular, e relata que desde Dezembro de 2017 tem sofrido com dores intensas, e que nesses dois meses esteve procurando e ligando para a Policlínica, e que não obteve nenhuma resposta.
De acordo com informações, o prefeito de Lapão e presidente do Consórcio de Saúde, Ricardo Rodrigues, teria, em entrevista a uma emissora local, na última semana, confirmado que os exames não estavam sendo entregues e que o Consórcio teria feito um novo rateio entre as prefeituras e efetuado a contratação de uma empresa por mais de R$ 1 milhão, que irá fornecer o resultado dos exames a partir de agora.
Reportagens recentes:

Deixe um comentário

Líder Notícias - O seu canal de informação! © 2013 - 2018 | Desenvolvido por Junior Pacheco