Rui resolve impasse e define Coronel como candidato ao Senado

         
O governador Rui Costa (PT) e seu auxiliares da articulação política fecharam as contas. A última vaga para concorrer ao Senado na chapa majoritária é de Angelo Coronel (PSD), presidente da Assembleia Legislativa da Bahia.
O impasse se arrastava há dias por conta da resistência da senadora Lídice da Mata (PSB) em abrir mão da reeleição na chapa majoritária. Após um fim de semana de reuniões com aliados, o governador Rui Costa decidiu que a vaga para a Casa Alta do Congresso Nacional ficará com o PSD, partido comandado na Bahia pelo senador Otto Alencar.
A chapa tem o governador na busca pela reeleição, assim como também tentará a reeleição o vice-governador João Leão (PP). Jaques Wagner (PT), ex-governador da Bahia, fecha a composição da chapa na disputa pelo Senado.
O campo indefinido ainda é o das suplências. Partidos como PCdoB, PDT, PSB e PR brigam pelas duas vagas. No entanto, o posto com maior disputa é a suplência de Wagner, nome visto com maior possibilidade de assumir uma secretaria estadual, o que abriria espaço para o suplente em Brasília.
A expectativa é que o governador anuncie a formação da sua chapa oficialmente em evento na União dos Municípios da Bahia (UPB) nesta terça-feira (19), prazo estabelecido pelo próprio petista em evento realizado na capital baiana no último dia 12.
Reações: 
O que você achou dessa notícia?

Publicações recentes

Reportagens recentes:

Deixe um comentário

Líder Notícias - O seu canal de informação! © 2013 - 2018 | Desenvolvido por Junior Pacheco