02/09/2018

Central: Estado autoriza implantação de curso técnico em Agroecologia no município

A Secretaria da Educação do Estado autorizou a implantação do curso técnico de nível médio em Agroecologia, no Colégio Estadual José de Souza Machado, no município de Central (512 km de Salvador), na região de Irecê. 
O secretário da Educação do Estado, Walter Pinheiro, também vistoriou a estrutura física da unidade e participou de um diálogo com diretores e professores sobre a implantação de outros cursos.
"A ideia é esse debate com os gestores e professores escolares para compreender as necessidades da escola, no aspecto de novas ofertas de ensino, entendendo a cultura e as características socioeconômicas da região, que podem proporcionar ensino e renda para os alunos. Portanto nos foi apresentada a necessidade de alguns cursos, onde o de Agroecologia se tornou o mais viável para implantação até o fim do ano. Por isso, a escola que tem apenas o Ensino Médio ganhará um curso técnico para movimentar o aprendizado dos alunos, dando uma nova perspectiva para a comunidade", disse.
Pinheiro ainda ressaltou que este tipo de oferta de cursos da Educação Profissional em unidades de Ensino Médio regular já vem ocorrendo em boa parte das escolas e que a meta da secretaria é implantar em todas as unidades que ofertam o Ensino Médio. "Já temos autorização para que todas as escolas da Bahia promovam as ofertas de ensino que mais se identifiquem com a região. Queremos fortalecer o Ensino Médio dando diversas oportunidades para os alunos.  Se ele quiser ir para a universidade, para o curso técnico ou para o mundo do trabalho, ele terá a chance de escolher dentro das diversas áreas de atuação, seja na indústria, na cultura ou saúde," exemplificou.
A diretora, Rita de Cássia Carvalho, destacou a importância de uma nova proposta para a unidade. "Temos mais de 500 estudantes do Ensino Médio e Educação de Jovens e Adultos (EJA). E essa nova proposta da escola de oferecer novas ofertas de ensino é fundamental. É isso que chamo de escola viva, porque conseguimos realizar uma integração pedagógica que fortalece o ensino na região ouvindo as demandas dos estudantes, onde foi realizada uma enquete para saber que cursos eles gostariam, entre eles estavam  Enfermagem, Agroecologia e Análises Clínicas", destacou.
Fonte: ASCOM/Sec. de Educ. do estado da Bahia
Reportagens recentes:

Deixe um comentário

Líder Notícias - O seu canal de informação! © 2013 - 2018 | Desenvolvido por Junior Pacheco