MBL vai ao TSE para saber se assinatura digital vale para registrar novo partido

10/12/2018

O Movimento Brasil Livre (MBL) realizou uma consulta junto ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) a fim de saber se assinaturas digitais poderiam ser aceitas para criação de um partido político. Pela norma em vigor atualmente para fundar uma legenda, é necessário documentar o apoio de pelo menos 500 mil eleitores em nove estados brasileiros.

De acordo com a coluna Painel, da Folha de S. Paulo, os líderes do movimento pretendem criar um partido e apostam na forte presença que têm nas redes sociais para conseguir atender às exigências da Justiça Eleitoral. O MBL surgiu há cerca de quatro anos e cresceu fazendo oposição ao Partido dos Trabalhadores (PT).


Publicações recentes

Deixe um comentário

Reportagens recentes:
Líder Notícias - O seu canal de informação! © 2013 - 2018 | Desenvolvido por Junior Pacheco