Menu Horizontal Fixo

Menu Horizontal Relativo

Propagandas [1110px]

Governador do Rio fecha exposição que teria performance com nudez

14/01/2019

A Secretaria de Cultura do Estado do Rio de Janeiro cancelou o último dia da exposição "Literatura exposta" na Casa França-Brasil. A programação deste domingo incluía uma performance do coletivo És Uma Maluca, que faria uma crítica à tortura durante a ditadura militar, com duas mulheres nuas interagindo com a obra “A voz do ralo é a voz de deus” . 
A voz do ralo é a voz de Deus, instalação criada pelo coletivo És uma Maluca, é composta de 6 mil baratas de plástico em volta da tampa de um bueiro Foto: Divulgação
Tal obra já havia sofrido interferência da direção da casa quando foi inaugurada no mês passado . Em nota enviada à imprensa, o secretário de Cultura e Economia Criativa, Ruan Lira, afirmou que o cancelamento foi realizado devido a um descumprimento de contrato. Segundo ele, o cancelamento aconteceu porque a programação deste domingo não estaria incluída no contrato firmado. "A decisão foi tomada devido ao descumprimento do contrato assinado entre as partes em 3 de julho de 2018 e que prevê o cancelamento unilateral em caso de descumprimento das obrigações estabelecidas. 

O referido contrato não inclui em seu objeto a programação informada para o último dia do evento. Também exige que as atividades sejam autorizadas pelo Iphan, com pedido feito com 45 dias de antecedência, o que não ocorreu - impedindo, portanto, a realização do programa agendado para este domingo", escreveu. Em mensagem publicada em sua conta no Instagram, o curador da exposição, Álvaro Figueiredo, diz que a direção da Casa França-Brasil já estava previamente avisada sobre a realização da performance deste domingo. 

Fonte: O Globo


Publicações recentes

Deixe um comentário

Reportagens recentes:
Líder Notícias - O seu canal de informação! © 2013 - 2018 | Desenvolvido por Junior Pacheco