Menu Horizontal Fixo

Menu Horizontal Relativo

Propagandas [1110px]

Vídeo deixa população horrorizada com situação no Mercadão de Irecê

03/03/2019

IMAGEM ILUSTRATIVA
Já antecipamos a situação em que se encontra o Mercadão de Irecê, são diversos
problemas que somados justificam a constante queda do movimento no comércio e o enorme prejuízo para diversos trabalhadores informais que sustentam suas famílias. 
A vereadora Margarida publicou em sua pagina na rede social a terrível situação no mercadão de Irecê, com a enorme quantidade de baratas no local, além de algumas denuncias da existência de outros animais nocivos a saúde publica como ratos. 

Visitamos a pouco tempo o Mercadão de Irecê e ouvimos alguns feirantes que reclamaram do descaso por parte da prefeitura com as condições de trabalho no local, os comerciantes no local reclamaram da péssima estrutura no local, onde foi colocado um forro sobre a área da praça de alimentação, enquanto todo o restante do espaço coberto sofre com o terrível calor e que interfere diretamente na qualidade de frutas e verduras comercializadas. 

Outra reclamação foi a falta da presença da vigilância sanitária dentro da área coberta como também em torno e área externa que também é utilizada como espaço de comercialização. Os ambulantes também reclamaram da desigualdade imposta a eles que pagam para trabalhar no local e ficam no prejuízo pela falta de fiscalização que permite a exploração da área por pessoas não cadastradas. 

 Oque mais assusta é o constante descaso por parte de alguns setores da prefeitura que não tratam com a prioridade devida os problemas que atingem diretamente o cidadão ireceense. Além das reclamações da população pela deficiência no atendimento na área de saúde, com falta de médicos, medicamentos, suporte para o atendimento a demanda que a todo momento fica reprimida, quando ainda nos deparamos com este estado de calamidade que atinge a saúde do cidadão. 

 Os principais sintomas de doenças transmitidas por baratas podem ser confundidos com os sintomas de uma virose rotineira. São eles: diarreia, febre, dores abdominais e náuseas. Alguns pacientes também chegam a ficar com pele e olhos amarelados. 

Na maioria dos casos, com o tratamento adequado, o paciente consegue alcançar a cura. Uma das doenças que esse inseto pode causar é a Febre Tifoide. Ela é causada pela Salmonellatyph (mais conhecida como Salmonella). 

Essa doença também é transmitida através de água ou alimento contaminado, e até (pasmem!), através do beijo. Além da Febre Tifoide, a barata pode causar conjuntivite, pneumonia e até lepra. Acredita-se que o vibrião da cólera é levado pela barata dos esgotos para os ambientes domésticos. 

Outro problema de saúde ocasionado são as reações alérgicas que são provocadas por restos deteriorados do corpo do inseto e por suas fezes que são pulverizadas no ambiente. Quando alguém alérgico inala essas partículas, desencadeia uma crise. 

Hepatite A pode ser transmitida por baratas A hepatite A, também conhecida como amarelão, consiste em uma inflamação no fígado causada por um vírus. Geralmente tem um curso benigno e evolui para a cura instantânea em 90% dos casos. Sua transmissão acontece por ingestão de água ou, alimentos contaminados ou manipulação de objetos pessoais que estiverem contaminados.  Os principais sintomas são: febre, dores abdominais, náuseas, e ainda diarreia por pelo menos um mês. 

Agora ainda dentre tantas interrogações decorrentes deste descaso, além do Mercadão de Irecê segundo a denúncia da vereadora, como deve está a situação de restaurantes e lanchonetes? Mesmo aqueles que trabalham de maneira correta e exigida, ficam prejudicados, pela demonstração de ineficiência do órgão que deveria fiscalizar e proporcionar a sensação de confiança nos consumidores.

A atual a gestão vem somando diversas insatisfações junto a população ireceense. 












Publicações recentes

Deixe um comentário

Reportagens recentes:
Líder Notícias - O seu canal de informação! © 2013 - 2019 | Desenvolvido por Junior Pacheco