Menu Mobile 1

Menu Horizontal Fixo

Menu Horizontal Relativo

Menina de seis anos chega morta a hospital com sinais de abuso, desnutrição e orelha cortada

03/08/2019

Uma menina de seis anos chegou morta ao Hospital Nava Marcílio Dias, na zona norte do Rio de Janeiro, na tarde de sexta-feira (02). A garota foi levada à unidade de saúde pela madrasta. 
Ao chegar no hospital, os médicos constataram que ela apresentava marcas de correntes, feridas no corpo, orelha cortada, e ainda sinais de abuso sexual, desnutrição e hematomas. O pai da criança foi detido por suspeita de tortura e morte. Em depoimento, ele confessou o crime e disse que deixava a menina amarrada em casa. A madrasta, por sua vez, negou as agressões, mas foi detida por omissão. 

Segundo vizinhos, o pai já teria até atirado a criança de uma ribanceira em uma ocasião. Por conta das agressões, a criança chegou a ser retirada da escola, para que os hematomas não fossem vistos. O suspeito disse à polícia que mantinha a filha amarrada a fim de corrigir um suposto comportamento sexual dela. Para os castigos, ele revelou ainda que usava uma colher esquentada no fogo para agredi-la. O pai da criança contou também que a vítima tinha sido estuprada pelo atual companheiro da mãe dela e, por conta disso, ela vivia escondida. O caso será investigado pela Polícia Civil.

Fonte: Varela Notícias

Publicações recentes

Deixe um comentário

Reportagens recentes:
Líder Notícias - O seu canal de informação! © 2013 - 2019 | Desenvolvido por Junior Pacheco