Menu Mobile 1

Menu Horizontal Fixo

Menu Horizontal Relativo

VICE-GOVERNADOR E SECRETÁRIOS PARTICIPAM DE AUDIÊNCIA SOBRE A PONTE SALVADOR-ITAPARICA

25/09/2019

O vice-governador João Leão, secretário estadual de Desenvolvimento Econômico, virá à Assembleia Legislativa da Bahia (ALBA) tirar as dúvidas dos deputados sobre a Ponte Salvador-Itaparica, cujas obras integram o Sistema Viário Oeste e estão previstas para começar em janeiro de 2021. O deputado Antonio Henrique Jr. (PP), presidente da Comissão Especial do Complexo Intermodal da Fiol, Porto Sul e Complexo Viário do Oeste, informou, na manhã desta quarta-feira (25), que o encontro já está combinado com Leão, faltando agora só definir a data.


O vice-governador deve vir acompanhado dos secretários estaduais de Infraestrutura e da Casa Civil, Marcus Cavalcanti e Bruno Dauster, respectivamente. A audiência será conjunta, incluindo a de Infraestrutura, Desenvolvimento Econômico e Turismo, presidida pelo deputado Pedro Tavares (DEM).

Presente na sessão da Comissão da Fiol, Tavares ouviu o apelo do deputado Eduardo Salles (PP) para que ajude a destravar questões pendentes entre o governo e a prefeitura de Salvador para o início do empreendimento. O pepista observou que já foram realizadas mais de 100 audiências públicas para debater questões urbanísticas e ambientais relacionadas à ponte.

Eduardo Salles esteve na audiência pública da Câmara de Vereadores de Salvador, terça-feira (24), quando João Leão tratou da ponte. “Vereadores, como Paulo Magalhães (DEM), se colocaram à disposição para construir essa ponte entre o governo e a prefeitura e conseguir realizar esse sonho que é de toda população baiana”, afirmou Salles, pedindo que Pedro Tavares faça o mesmo na Assembleia Legislativa.

Para o deputado Zé Raimundo (PT), o empreendimento vai marcar o início do Século XXI na capital baiana. Ele explicou que Salvador deu um grande salto urbanístico, no final da década de 60 e começo de 70, com a construção das chamadas avenidas de Vale, do Centro Administrativo e outros empreendimentos que mudaram o eixo de crescimento da cidade. “Agora, com a ponte, e a atenção, que tanto o governo como a prefeitura estão dando ao centro antigo, a expectativa é que essa região seja revitalizada”, acredita o petista.

O início da construção da ponte que vai ligar Salvador a Ilha de Itaparica está previsto para janeiro de 2021. Antes, em novembro deste ano, será realizado o leilão que vai definir qual empresa vai realizar a obra. As interessadas são chinesas, italianas, espanholas e francesas. A que vencer terá até dezembro de 2020 para apresentar as licenças necessárias para a execução da obra, que terá quatro anos de duração. A estimativa é que a ponte entre em funcionamento em 2025.

A travessia da ponte terá pedágio. Os motoristas de carro terão que pagar R$ 45 e os de moto, R$ 22,50. O preço cai pela metade se for um bate e volta, ou seja, se o retorno for em até 24h. Ônibus com ar-condicionado vão levar passageiros de uma ponta a outra da ponte. As passagens vão custar R$ 5. Já os caminhões leves terão que pagar R$ 70 e os pesados, R$ 110. Segundo o governo estadual, o valor foi definido com base em estudos técnicos.

Publicações recentes

Deixe um comentário

Reportagens recentes:
Líder Notícias - O seu canal de informação! © 2013 - 2019 | Desenvolvido por Junior Pacheco