COVID-19
Ouça nossas rádios
Play Pause Entrar
Play Pause Entrar
Play Pause Entrar
Play Pause Entrar

Ouça essa matéria

Gravações mostram juiz do Tribunal de Justiça da Bahia negociando sentenças

12/12/2019

O juiz Sérgio Humberto de Quadros Sampaio, do Tribunal de Justiça da Bahia (TJ), foi flagrado nas investigações da Operação Faroeste negociando com o advogado Júlio César Cavalcanti Ferreira percentuais que ganharia com a venda de sentenças. 
O diálogo entre o magistrado e Ferreira consta na denúncia que a subprocuradora-Geral da República (PGR), Célia Regina Souza Delgado, apresentou anteontem contra eles e outras 13 pessoas, incluindo quatro desembargadores do TJ e mais dois juízes. Na denúncia, enviada ao Superior Tribunal de Justiça (STJ), a subprocuradora atribui aos alvos da Faroeste os crimes de organização criminosa e lavagem de dinheiro. 

Dos 15 acusados, seis estão presos preventivamente, incluindo o Sérgio Humberto e a desembargadora Maria do Socorro Barreto Santiago, ambos afastados das funções por 90 dias. Conforme as investigações do Ministério Público Federal (MPF), a venda de sentenças por integrantes da cúpula do TJ foi montado para sustentar um suposto esquema de grilagem de terras no Oeste baiano, uma das mais prósperas regiões do agronegócio. 

São acusados ainda de participar das negociatas os desembargadores Gesivaldo Britto, presidente afastado do TJ, Maria da Graça Osório Pimentel Leal e José Olegário Monção Caldas.

Fonte: Correio

Leia Também

Reportagens recentes:
2011 - 2020 @ Líder Notícias - O Seu Canal de Informação | Desenvolvedor :: @ vJPacheco