Menu Mobile 1

Ouça nossas rádios
Play Pause Entrar
Play Pause Entrar
Play Pause Entrar
Play Pause Entrar

Ouça essa matéria

Médico que morreu de Covid-19 em Salvador teve 75% do pulmão comprometido

11/05/2020

O médico Ramon Barbosa, de 43 anos, que estava atuando na linha de frente do combate ao coronavírus na cidade de Jequié, Sudoeste do estado, teve 75% do pulmão comprometido pela doença. Ele morreu no domingo (10) depois de ser transferido de Jequié para Salvador em uma aeronave. Antes de ser internado, o médico não apresentava sintomas e chegou a testar negativo para a doença.

De acordo com o secretário de Saúde de Jequié Vitor Lavinsky, o médico deu entrada no Hospital São Vicente no dia 7 de maio. Um dia depois, o quadro de saúde dele piorou e, à noite, foi transferido para a Unidade de Terapia Intensiva (UTI). Ramon trabalhava no hospital Prado Valadares e no centro de atendimento e triagem do coronavírus do Hospital São Vicente.


"Ele estava trabalhando de plantão no Prado Valadares quando se queixou de falta de ar, fez o exame para medir o nível de oxigênio e estava 'saturando', com dizem os médicos. A saturação era de 40%, quando o normal é de 90%. Logo em seguida, fez tumografia no próprio hospital e deu que 75% do pulmão comprometido", informou o governador Rui Costa (PT) durante entrevista na manhã desta segunda (11) a veículos de comunicação do Sul do estado.

Leia Também

Deixe um comentário

Reportagens recentes:
2011 - 2020 @ Líder Notícias - O Seu Canal de Informação | Desenvolvedor :: @ vJPacheco