COVID-19
Ouça nossas rádios
Play Pause Entrar
Play Pause Entrar
Play Pause Entrar
Play Pause Entrar

Ouça essa matéria

IRECÊ E REGIÃOOperação “Falso Negativo”: Prefeituras de São Gabriel e Irecê não têm nenhuma relação com os fatos

03/07/2020







A polícia deflagrou a operação “Falso Negativo”, entenda o caso, na manhã desta quinta-feira (2), para apurar supostas irregularidades na compra de testes para Covid-19 pelo Distrito Federal. Com apoio de 500 agentes do Estado, entre promotores de Justiça, servidores do Ministério Público e policiais, os mandados são cumpridos na capital do país, mas também em Goiás, Rio de Janeiro, São Paulo, Espírito Santo, Paraná, Santa Catarina e Bahia.

Na região de Irecê, mandados estão sendo cumpridos em São Gabriel e Irecê. Os mandados tratam-se de uma suposta empresa particular que revendia para o Distrito Federal. Não há nenhuma relação com as Prefeituras locais.

Em nota, a Prefeitura de São Gabriel afirma que não está sendo alvo da operação e que todas as compras realizadas pela Prefeitura são realizadas de forma idônea. “Essa operação não tem ligação nenhuma com os órgãos municipais”, diz a nota.


IRECÊ

Quanto aos testes feitos pelo município, a Prefeitura informa que nunca adquiriu testes desse grupo. Áudio do Secretário de Assistência Social e Educação de Irecê, Agnaldo, divulgado nas redes sociais, tranquiliza as pessoas já que, segundo ele, materiais como “respiradores e testes rápidos” foram fornecidos pelo estado e não comprados.
“Importante esclarecer que os testes aplicados em Irecê não tem qualquer vinculação com a empresa que foi objeto da operação. Todos os testes aplicados na população vieram direto da secretaria de saúde do estado ou do ministério da saúde”, completou o secretário de governo, Jazon Junior.
FONTE 074NEWS

Leia Também

Reportagens recentes:
2011 - 2020 @ Líder Notícias - O Seu Canal de Informação | Desenvolvedor :: @ vJPacheco