COVID-19
Ouça nossas rádios
Play Pause Entrar
Play Pause Entrar
Play Pause Entrar
Play Pause Entrar

Ouça essa matéria

Entrevista com a pré-candidata a prefeita em América Dourada, Roze Dourado

19/08/2020



O Líder Notícias estará fazendo semanalmente uma rodada de entrevista com todos pré-candidato a prefeitos da região. Essa semana estaremos entrevistando a prefeita de América Dourada, Rosa Maria Dourado Lopes, que concorrerá à reeleição.



LN: Um breve relato sobre a trajetória política, o partido e os apoios.

RM: A política na minha vida, de modo geral, não é algo novo, porém, é o meu primeiro mandato à frente do executivo municipal. Quando propomos uma gestão desafiadora, com cortes de ciclos viciosos, tendemos a desgastar, a causar desconforto e estranheza. Acredito que este comportamento é que nos levou a perder alguns apoios na base municipal. Nesta marcha a convicção de que estamos trilhando o caminho certo é importante para seguirmos mostrando a população onde pretendemos chegar, tendo os princípios administrativos como o norte principal. Continuo filiada no Partido Social Democrático – PSD, do qual sou Vice-Presidente na esfera municipal, com vínculo bastante solido junto ao Senador Otto Alencar, Presidente do PSD Estadual. 



LN: Quais atuais apoios?

RM:A falta de identificação com a nossa forma de governar levou algumas rupturas no Legislativo Municipal, no entanto, ganhamos novos aliados justamente por ter dado um rumo diferente, com austeridade e transparência dos nossos atos. Em breve a gente relaciona as novas lideranças que atualmente nos apoiam, ainda temos muitas articulações políticas sendo planejadas.




LN: Quais os principais desafios de gerir América Dourada?

RM: Acredito que o mesmo encontrado por todos os gestores de municípios de pequeno porte. A nossa arrecadação é muito pequena e as demandas são continuas e crescentes. 




LN: O que motivou ir para a reeleição?

RM: Na Segunda Carta Aberta aos munícipes de América Dourada eu deixei claro que após franco dialogo com parte da população, equipe de Governo e com o Presidente Estadual do PSD, Senador Otto Alencar, compreendi que a decisão anterior de não ir para a reeleição não poderia ser apenas uma vontade minha. Pertenço a um grupo político e qualquer decisão deve ser em consonância com o mesmo. Portanto, a motivação principal é a necessidade de continuidade de um trabalho de um grupo político do qual sou apenas mais um membro.

Em breve estaremos divulgando também outras entrevistas com pré-candidato a prefeito deputados municípios da região.

Leia Também

Reportagens recentes:
2011 - 2020 @ Líder Notícias - O Seu Canal de Informação | Desenvolvedor :: @ vJPacheco