COVID-19
Ouça nossas rádios
Play Pause Entrar
Play Pause Entrar
Play Pause Entrar
Play Pause Entrar

Ouça essa matéria

Candidato à prefeito de P. Dutra, Pedro Rocha (PSB) dispara: “pesquisa fraudulenta e absurda”

18/10/2020



Uma pesquisa eleitoral divulgada hoje em sites e emissora de rádio com sondagem em Presidente Dutra (BA), gerou manifestações de partidos, políticos e até de parte da população daquele município. 

Pedro Rocha (PSB), candidato a prefeito pela oposição, chamou o levantamento de “pesquisa fraudulenta, absurda e criminosa”. Para ele, é a prova cabal do “jogo baixo e sujo do candidato da situação, que sempre usa desse tipo de artifício para iludir a população, inclusive os seus próprios eleitores, que acabam perdendo fortunas em apostas impossíveis”. 

A oposição presidutrense informou que já ingressou com ação na Justiça Eleitoral para apurar as denúncias. Segundo a oposição, há inúmeros documentos que comprovariam várias irregularidades. “A Nota Fiscal dos serviços do instituto de pesquisas, por exemplo, foi emitida em nome da prefeitura de Pintadas (BA), enquanto a sondagem teria sido realizada em Presidente Dutra. As datas também não combinam: na NF, o levantamento teria sido feito nos dias 7 e 8 de outubro, já no material publicitário divulgado as datas apontam os dias 6 e 7., diz”.

O candidato de oposição Pedro Rocha argumenta que a pesquisa foi realizada pela C&R Pesquisas/Terra Viva Serviços Educacionais e Ambientais, empresa pertencer ao mesmo dono de uma outra empresa, a João Gonçalves de Souza- ME (de Irecê), contratada no final de setembro para prestar serviços de “Educação em Saúde” para o combate à Covid-19 – sendo que não consta nos quadros dessa empresa nenhum profissional da área. “Tampouco se viu publicações relacionadas ao objetivo do contrato, de qualquer tipo, que justifiquem o contrato de R$ 76.600,00, com duração de três meses – ou seja, mais de R$ 25 mil por mês”, menciona o candidato. 

“A pandemia teve início no mês de março. Praticamente nada se viu de ações da prefeitura do tipo que contratou agora com essa empresa. O dinheiro tem vindo, mas a Saúde continua um caos no município. E só agora, quando a Covid-19 dá sinais de recuo na quantidade de casos e de mortes, é que o prefeito decidiu contratar a mesma empresa que faz as pesquisas para o seu candidato?”, questiona Pedro Rocha. 

Pedro Rocha relata que dia 8 de outubro muitas pessoas de Presidente Dutra entraram em contato de veículos de imprensa e denunciaram em redes sociais o comportamento estranho de supostos pesquisadores em vários locais do município. “Elas contaram que as pessoas eram abordadas por indivíduos sem identificação sobre a sua opção quanto aos candidatos, entre outras perguntas. Na sequência, dados pessoais eram solicitados, como endereço e telefone. Exatamente nessa data a C&R Pesquisas/Terra Viva confirma que fez o levantamento em Pres. Dutra, mas que a sua equipe estava uniformizada”, declara. 

Também sobre isso o candidato Pedro Rocha se manifestou, afirmando que “essa estratégia deles é conhecida de todos. Fingem estar fazendo uma pesquisa eleitoral, quando na verdade o que querem é ter o mapa do eleitorado. A partir daí, de posse de dados como nome, endereço e até telefone de muitos, eles partem para cima dos eleitores da oposição”. 


A Redação fez contato com a coligação de situação e com João Gonçalves, para caso queira, se manifestar.  






____________________________

Leia Também

Reportagens recentes:
2011 - 2020 @ Líder Notícias - O Seu Canal de Informação | Desenvolvedor :: @ vJPacheco