COVID-19
Ouça nossas rádios
Play Pause Entrar
Play Pause Entrar
Play Pause Entrar
Play Pause Entrar

Ouça essa matéria

Após ser acusado de deslealdade por apoiadores da situação, João Rumão sai da câmara de vereadores sob vaias e xingamentos

01/01/2021






O vereador João Rumão (PT) de João Dourado foi recebido com vaias e xingamentos por simpatizantes do grupo de situação na saída da sessão de posse e eleição da nova mesa diretora da casa legislativa. Segundo informações dos bastidores da política, o vereador quis impor sua candidatura à presidência, contrariando a decisão do grupo de situação que indicaram o nome de Rosangela Cardoso. 

Por o grupo de situação indicar a chapa liderada por Rosangela Cardoso, João Rumão aliou-se com os vereadores de oposição, mantendo sua candidatura à presidência, desta forma criando uma situação de embaraço com o grupo de situação.

Com a atitude, João Rumão acabou não sendo visto com bons olhos pelos simpatizantes do grupo de situação, que o acusaram de deslealdade e traição, pois desde a campanha eleitoral, supostamente pessoas muito próximas ao vereador estariam fazendo campanha contra o candidato Di Cardoso. Assim, a indicação de João Rumão como presidente, não era aceita pelo grupo.

Dizem as más línguas inclusive, que com a decisão de segunda instância prevendo a inelegibilidade de Juninho e a ausência de um nome para substituí-lo caso ocorra novas eleições, João Rumão estaria disposto a romper com o grupo de situação e enfrentar Di Cardoso nas urnas.

Apesar da situação embaraçosa, Di Cardoso em seu discurso mostrou prezar pela harmonia, respeito e união do grupo. Di Cardoso agradeceu Rita de Dr. Celso, a quem mencionou como figura importante para a política de João Dourado. Em sua fala, Di Cardoso fez menção à memória de João Cardoso, Adriano e Celso Loula, os quais contribuíram para o desenvolvimento de João Dourado. 

Finalizando o discurso, Di Cardoso mostrou-se confiante e disse que caso precise disputar novas eleições, ele estará pronto e disposto, pois, segundo ele, quem o escolheu foi o povo.

No que diz respeito a eleição da Câmara, Rosangela Cardoso acabou sendo eleita por 6 votos, contra 5 votos da chapa de oposição, que tinha como candidato à presidente, João Rumão.

Após a eleição e sendo declarada eleita a nova mesa, a presidente eleita, Rosângela Cardoso (PL), assumiu de forma interina o cargo de Prefeita do município, já que a mesma encontrava-se em processo de vacância, pois a chapa de prefeito e vice-prefeita, eleitos democraticamente, acabaram sendo cassadas por decisão judicial, cabendo recurso. 

Desta forma, o vereador Negão vice-presidente passou a ser o novo presidente, abrindo vaga para o vereador suplente Netão, tomar posse.

Nossa equipe entrou em contato com o vereador João Rumão para ouvir a versão dele. O parlamentar disse que sobre o tema fez uma nota em minha página do instagran, reiterada do fecebook. “Quanto ao episódio  ocorrido na Câmara de Vereadores, lamento e credito à manipulaçao das pessoas vulneráveis, sujeitas a qualquer atitude em troca de promessas ou pequenas vantagens financeiras. Por fim, acerca do meu futuro político, posso lhe responder pessoalmente”, diz. 




Chapa vencedora

Presidente: Rosângela Cardoso

Vice-Presidente: Eduardo Loula

1º Secretário: Klévia Santiago

2º Secretário: Laurenita Alves






Chapa derrotada

Presidente: João Rumão

Vice-Presidente: Átila

1º Secretário: Cláudio Loula

2º Secretário: Fabiana Dourado




Veja o vídeo das vaias do vereador: 






Leia Também

Reportagens recentes:
2011 - 2020 @ Líder Notícias - O Seu Canal de Informação | Desenvolvedor :: @ vJPacheco