COVID-19
Ouça nossas rádios
Play Pause Entrar
Play Pause Entrar
Play Pause Entrar
Play Pause Entrar

Ouça essa matéria

Vilas-Boas teme que demora do STF possa afetar compra da Sputnik V: "Vão vender para outros países"

20/01/2021

O secretário de Saúde do estado da Bahia, Fábio Vilas-Boas, voltou a defender, durante entrevista ao Jornal da Manhã, da Rede Globo, que o Supremo Tribunal Federal (STF) analise  com brevidade a Ação Direta de Inconstitucionalidade interposta pela Procuradoria Geral do Estado, para que o estado da Bahia possa comprar doses da vacina russa Sputnik V. Questionado se a Bahia já havia pago pelas doses, o secretário falou que apenas foi realizada a reserva de doses.

“Não pagamos pelas doses. Em Agosto do ano passado, de forma previsível e cautelosa, entramos em contato com a Pfizer, com os russos e chineses, negociamos acesso e fechamos um acordo para 50 milhões de doses. Só pagaremos depois que a vacina estiver no Brasil. Desse acordo feito em agosto, os russos garantiram o envio [em curto espaço de tempo] de 10 milhões”, explicou Vilas-Boas.

O secretário pontua que o acordo prevê o envio de 400 mil doses já nas próximas semanas, e, até março, cerca de 10 milhões de doses devem chegar à Bahia. Ele sinaliza que caso o STF não analise com brevidade o pedido do governo da Bahia, este acordo poderá ser perdido.

“Se houver demora de uma a duas semanas, eles [russos] não terão como segurar, vão vender para outros países. Torço pelo bom senso do ministro Lewandowski [relator da ADI], para que o pedido possa prevalecer e ele autorizar que Brasil tenha acesso a 10 milhões, que será a tábua de salvação”, destacou o secretário de Saúde da Bahia.   

Fábio Vilas-Boas lamenta que o país não tenha “previsão de chegada no curto prazo” de novas doses de vacinas contra o coronavírus e lembra que o prazo para o acordo firmado entre o Ministério da Saúde e a Pfizer é de 90 dias: “A realidade é que estamos 100% dependente da vacina que vem da China e é envasada no Butantã”.



Leia Também

Reportagens recentes:
2011 - 2020 @ Líder Notícias - O Seu Canal de Informação | Desenvolvedor :: @ vJPacheco