COVID-19

Ouça essa matéria

Campanha da AMB 'Sinal Vermelho' contra violência doméstica pode virar lei na Bahia

26/05/2021

A campanha “Sinal Vermelho” contra a violência doméstica, proposta pela Associação dos Magistrados Brasileiros (AMB), pode virar lei na Bahia. A presidente da entidade, Renata Gil, se reuniu com o presidente da Assembleia Legislativa da Bahia (AL-BA), deputado Adolfo Menezes (PSD) para tratar do assunto. O encontro foi na última quinta-feira (20) com a presença da presidente da Associação dos Magistrados da Bahia (Amab), Nartir Weber.
O presidente da AL-BA se mostrou favorável em transformar a iniciativa em lei estadual a fim de fortalecer o combate à violência contra a mulher. “Com certeza, vamos apoiar o PL, porque o mecanismo é simples e eficiente”, afirmou o parlamentar.“Como primeira mulher a concorrer à presidência da AMB, eleita com quase 80% dos votos, carrego nos ombros o desafio da representação feminina da magistratura para reduzir a desigualdade de gênero e combater toda forma de violência contra a mulher”, afirmou Renata Gil.

A campanha “Sinal Vermelho”, que completa um ano no próximo mês, já é lei em sete estados e no Distrito Federal. A Bahia ocupa o 3º lugar no triste ranking dos estados brasileiros com maior quantidade de registros de feminicídio, segundo dados da Secretaria da Segurança Pública (SSP-BA). No final do ano passado, o assassinato de uma estilista de 39 anos morta a tiros pelo namorado, em Salvador, causou comoção na cidade.
Conforme as investigações, a vítima sofria agressões do companheiro, mas não o denunciou.
Fonte: Bahia Notícias

Leia Também

Reportagens recentes:
2011 - 2020 @ Líder Notícias - O Seu Canal de Informação | Desenvolvedor :: @ vJPacheco