COVID-19

Ouça essa matéria

Preso por cometer feminicídio em Presidente Dutra é morto em Salvador

29/06/2021

Um preso identificado como Franklin Teodoro Barreto, de 37 anos, foi morto a tiros na manhã desta terça-feira (29) na Avenida Cardeal Brandão Villela, em Salvador. A informação é da Polícia Civil. De acordo com a polícia, o crime aconteceu quando o homem deixava a Casa do Albergado.
O local é destinado ao recolhimento de custodiados em cumprimento de penas em regime aberto e, provisoriamente, em regime semiaberto, que têm autorização para realizar trabalho externo. A polícia ainda informou que uma equipe do Serviço de Investigação em Local de Crime (Silc/DHPP) expediu as guias para remoção do corpo e perícia.
A autoria e motivação do crime ainda são desconhecidas e serão investigadas pela 2ª Delegacia de Homicídios (DH/Central). Franklin já havia sido agredido diversas vezes dentro do sistema prisional da Mata Escura e não era bem vindo em várias unidades. Oficialmente, o DHPP não confirmou a informação. Familiares deles devem ser ouvidos na unidade para traçar uma linha de apuração. O detento havia sido sentenciado a 16 anos e 7 meses pelo homicídio da ex-companheira.
O crime aconteceu em 30 de julho do ano de 2007, na porta da Boate Paradise Dance, no município de Presidente Dutra. A vítima, Eloísa Emanoela, 19 anos, foi alvejada quatro vezes pelo ex-companheiro e pai do filho dela. Após cumprir parte da pena na Lafayette Coutinho, Franklin passou para Casa do Albergado, que é destinada ao recolhimento de presos da Comarca de Salvador em cumprimento de penas em regime aberto e, provisoriamente, em regime semi-aberto, com autorização para realização de trabalho externo, sem prejuízo do acolhimento.

Leia Também

Reportagens recentes:
2011 - 2020 @ Líder Notícias - O Seu Canal de Informação | Desenvolvedor :: @ vJPacheco