COVID-19

Click aqui e ouça a Irecê Líder FM, enquanto acompanha as noticias da sua cidade.

Ouça essa matéria

Jacobina: Justiça concede liberdade à motorista que matou três pessoas

18/03/2022

Petrônio Silva Souza, 69 anos, motorista acusado de matar três pessoas em Jacobina, no dia 24 dezembro de 2021, após invadir a loja Verdes Mares com uma caminhonete que dirigia sob efeito de álcool e em alta velocidade, ganhou direito a liberdade condicional na primeira audiência realizada pela Justiça ontem quinta-feira (17), por videoconferência.

O juiz Rodolfo Nascimento Barros condicionou a liberdade de Petrônio ao pagamento de uma fiança de R$ 60 mil e o cumprimento de algumas medidas cauterares. Na semana passada, o Jacobina Notícias mostrou que Petrônio teve um pedido de habeas corpus negado de forma unânime por cinco desembargadores do Tribunal de Justiça do Estado da Bahia (TJ-BA). Ele está preso no Conjunto Penal de Juazeiro, no norte do estado.

De acordo com a denúncia do Ministério Público do Estado da Bahia (MP-BA), Petrônio estava alcoolizado quando invadiu a loja com uma caminhonete Ram 2500 e causou as mortes de Roque Ferreira da Silva, 70 anos, Marcelo Messias da Costa Silva, 34 anos, e Luís Carlos de Jesus Silva, 33 anos. Preso em flagrante, ele foi autuado por crime culposo, sem intenção de matar.

Trecho da decisão

"No tocante a prisão preventiva defiro o pedido da defesa e concedo a liberdade provisória mediante a aplicação das medidas cauterares: proibição de dirigir qualquer veiculo automotor, proibição de se ausentar da comarca por mais de 15 dias sem permissão do juízo, comparecimento mensal em juízo no cartório criminal para justificar as atividades, fiança arbitrada em R$ 60.000 (sessenta mil reias), obrigação de comparecer a todos os atos do processo, suspensão da Habilitação para dirigir e a comunicação ao DETRAN, desse modo revogo a prisão preventiva fixando as medidas cautelares em substituição. Paga-se a fiança. Expeça-se alvará de soltura. Expeça-se os Ofícios determinados a cima. O interrogatório será realizado após a apresentação dos oficios e pericias indicadas".



Leia Também

Reportagens recentes:
2011 - 2020 @ Líder Notícias - O Seu Canal de Informação | Desenvolvedor :: @ vJPacheco