COVID-19

Click aqui e ouça a Irecê Líder FM, enquanto acompanha as noticias da sua cidade.

Ouça essa matéria

“É inaceitável que tenhamos que sofrer com esta onda de violência por incompetência do governo do PT”, diz ACM Neto

18/05/2022




Pré-candidato a governador comentou dados do Monitor da Violência, que coloca a Bahia novamente na liderança do ranking de homicídios

O pré-candidato ao Governo da Bahia ACM Neto (União Brasil) lamentou, nesta quarta-feira (18), a manutenção da Bahia na liderança do ranking de homicídios no país. A informação foi divulgada pelo Monitor da Violência, publicado pelo G1 com base nos dados oficiais dos 26 estados e do Distrito Federal.

De acordo com o levantamento, a Bahia registrou 1.326 mortes violentas nos três primeiros meses deste ano, número tratado como "impressionante" pelo Monitor. O volume de mortes no estado representa 13% do total contabilizado no país, de 10,2 mil assassinatos no primeiro trimestre de 2022.

“É completamente lamentável que a Bahia concentre 13% das mortes violentas de todo Brasil. Em um novo monitoramento divulgado hoje, a Bahia foi campeã em violência nacional mais uma vez, com diferença de quase 30% para o segundo estado no ranking”, disse o pré-candidato em seu perfil do Twitter.

Neto lembrou ainda que a Bahia vive uma onda de violência, com o aumento da sensação de insegurança devido aos assaltos a estabelecimentos, homicídios e assassinatos de policiais, dentre outras ocorrências.

“O levantamento mostra em números aquilo que estamos vendo nas ruas. É inaceitável que tenhamos que sofrer com esta onda de violência por incompetência do governo do PT na segurança. Precisamos mudar esse cenário”, salientou.

Leia Também

Reportagens recentes:
2011 - 2020 @ Líder Notícias - O Seu Canal de Informação | Desenvolvedor :: @ vJPacheco