COVID-19

Click aqui e ouça a Irecê Líder FM, enquanto acompanha as noticias da sua cidade.

Ouça essa matéria

João Roma ataca Rui Costa em polêmica do ICMS: "Mesquinhez"

15/06/2022




Para pré-candidato ao Governo da Bahia, João Roma (PL), comportamento de Rui Costa e Jerônimo Rodrigues, ambos do PT, representa “mesquinhez”

O pré-candidato a governador da Bahia, João Roma (PL), chamou de "mesquinhez" a posição do atual gestor estadual, Rui Costa (PT), e do também postulante ao Palácio de Ondina, Jerônimo Rodrigues (PT), que se posicionaram contrários ao projeto aprovado que limita a 17% a alíquota do ICMS sobre combustíveis - aprovado no senado, o texto volta para a Câmara.

"Para eles é mais importante fazer política que levar benefício para a população. Isso é um grande desapontamento para a maioria da população", disse ele em entrevista à Rádio Wagner FM, na cidade de Wagner, na Chapada Diamantina, nesta terça-feira (14).

O ex-ministro da Cidadania, na oportunidade, pontuou que somente "um grupo pequeno de senadores do PT" votou contra a matéria aprovada. Segundo Roma, os parlamentares tem como objetivo não dar crédito ao presidente Jair Bolsonaro (PL) por uma ação que, conforme o também deputado federal, visa beneficiar a população.

"Do mesmo jeito que se posicionaram contra a PEC que viabilizou o aumento do Auxílio Brasil para dar mais recursos na mão dos mais necessitados, numa atitude mesquinha pra que isso não beneficiasse o presidente Bolsonaro. Eles observam apenas o jogo eleitoral", disse o liberal.

Também na entrevista, o pré-candidato ao Governo da Bahia ainda reafirmou que a gestão Bolsonaro inaugurou um tempo em que os recursos são levados à população independentemente da filiação partidária de governadores e prefeitos.

Leia Também

Reportagens recentes:
2011 - 2020 @ Líder Notícias - O Seu Canal de Informação | Desenvolvedor :: @ vJPacheco