COVID-19

Click aqui e ouça a Irecê Líder FM, enquanto acompanha as noticias da sua cidade.

Ouça essa matéria

Artigo: Uma vida em prol da Pessoa Com Deficiência

15/08/2022


Por Léo Prates

Muitas pessoas que me conheceram nos últimos três anos, ficaram marcadas pela atuação que tive à frente da Secretaria Municipal de Saúde de Salvador (SMS), sobretudo na pandemia. Mas me orgulho da ter uma trajetória política, desde o início, atrelada a uma nobre bandeira: a causa da pessoa com deficiência (PCD).

Meu primeiro projeto de lei aprovado na Câmara de Salvador, por exemplo, estabeleceu prioridade às PCDs em programas de incentivo fiscal e na tramitação de processos administrativos. Ao longo de dois mandatos apresentei muitas propostas como a que instituiu o Dia do Orgulho da Pessoa com Deficiência, e a indicação que resultou na criação do Para Praia, programa que oferece banho de mar assistido à PCD; além da construção do Centro Especializado em Reabilitação de Coutos que beneficiou famílias do Subúrbio. Uma outra conquista foi a aprovação da Comissão

Especial em Defesa das PCDs, grupo que tive o orgulho de presidir.
Em 2019, ao assumir o mandato de deputado estadual, conquistado com apoio das instituições da PCD, fiz questão de levar à Assembleia Legislativa, diversas proposições para expandir as conquistas obtidas em Salvador, para todo o estado.

Já na Secretaria de Promoção Social e Combate à Pobreza, pude contribuir com a causa em ações como o mapeamento das crianças com deficiência não matriculadas, para criar estratégias de acesso à educação para todos. Também lançamos o “Sempre Melhor”, que destinou investimentos para melhorias em unidades da PCD.

Na Secretaria de Saúde fiz questão de estar próximo de grupos como a UPCD (Unidade de Políticas Públicas para Pessoa com Deficiência), o COMPED (Conselho Municipal da Pessoa com Deficiência), além das associações e entidades representativas da PCD e Ministério Público.

Na pandemia nosso desafio foi garantir o cuidado com todos, por isso criamos um grupo com representantes dos doze distritos sanitários, articulando ações de promoção de saúde, prevenção a fatores causadores ou agravantes de deficiência. Também implantamos o Serviço de Reabilitação no Multicentro Carlos Gomes, com oferta das especialidades de Fisioterapia, Fonoaudiologia, Psicologia e Psiquiatria.

De volta à ALBA, indiquei ao governador da Bahia, um projeto de descentralização do Centro de Prevenção e Reabilitação de Deficiências (CEPRED), estrutura de apoio à PCD, localizada em Salvador, cujo acesso é difícil para quem é do interior.

Os desafios são muitos e a batalha está longe de ser concluída, mas carrego em mim orgulho de contribuir com o bem estar quem mais precisa. Seguiremos trabalhando firme para que a Bahia torne-se um lugar cada vez mais inclusivo e justo principalmente as pessoas com deficiência.

Artigo publicado no Jornal A Tarde de 09 de agosto de 2022.

Leia Também

Reportagens recentes:
2011 - 2020 @ Líder Notícias - O Seu Canal de Informação | Desenvolvedor :: @ vJPacheco