COVID-19

Click aqui e ouça a Irecê Líder FM, enquanto acompanha as noticias da sua cidade.

Ouça essa matéria

Adolescente tenta esfaquear colegas e atear fogo em escola em Morro do Chapéu

28/09/2022


Um adolescente de 13 anos tentou atacar colegas e atear fogo em uma sala de aula da Escola Municipal Yêda Barradas Carneiro, no município de Morro do Chapéu, região da Chapada Diamantina. O caso aconteceu na manhã desta terça-feira (27).

Segundo a Prefeitura de Morro do Chapéu, o aluno supostamente entrou em surto. A direção escolar informou que, após iniciada as aulas do período da manhã, por volta das 7h30, um aluno de 13 anos, do 8º ano, se dirigiu ao banheiro, trocou a farda por uma roupa preta com capuz e retornou para a sala de aula portando materiais inflamáveis e armado com uma faca, tentando em seguida colocar fogo nas dependências da escola.

Rapidamente os professores e demais funcionários da escola retiraram todos os alunos de dentro da escola. Felizmente não houve ninguém ferido, mas a escola acabou com pequenos danos na estrutura.

Policiais militares do 7º BPM foram acionados após receberem informações do atentado. No local, os policiais constataram o fato. O adolescente foi apreendido e apresentado ao conselho tutelar para adoção das medidas cabíveis.

Ataques em escolas

Este caso em Morro do Chapéu foi o segundo ataque a escolas registrado na Bahia em dois dias. Na segunda-feira (26), uma estudante foi morta dentro do Colégio Municipal Eurides Sant’Anna, invadido por um jovem armado com revólver e facas. A estudante Geane da Silva de Brito, 19 anos, que era cadeirante, foi morta depois de ser baleada e também receber golpes de facão. O agressor, que não teve nome informado, foi baleado ao tentar fugir. Em nota, a prefeitura classifica o episódio de "tragédia inimaginável".

A escola atacada tem gestão compartilhada com a Polícia Militar. Por volta das 7h20 da segunda, um adolescente, que também era aluno da instituição, chegou ao local todo vestido de preto, com capuz e óculos escuros, e entrou na escola pulando o muro. Ele estava com um revólver e duas facas.

O agressor foi até a direção de Geane, que estava perto da cantina, e atirou duas vezes contra ela. Depois, partiu para cima dela com as facas. A aluna morreu ainda no local.

Ao tentar fugir, o agressor foi baleado por uma pessoa não identificada, segundo a Polícia Militar. Ele foi socorrido pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e está sob custódia policial em uma unidade de saúde.

Leia Também

Reportagens recentes:
2011 - 2020 @ Líder Notícias - O Seu Canal de Informação | Desenvolvedor :: @ vJPacheco